Pular para o conteúdo principal

Seguidores de Chico Xavier: Obsediados e apegados

(Autor: Professor Caviar)

Os seguidores de Francisco Cândido Xavier são um fenômeno à parte. Tidos como "espiritualizados", são extremamente materialistas, já a partir do apego desesperado a uma imagem de um "velhinho humilde" associada a ele.

Os chiquistas, como são conhecidos, precisam, no seu materialismo doentio - que faz os stalinistas parecerem etéreos convictos - , de uma forma materializada de "bondade" e "caridade", tentando criar um desenho humano para tais qualidades.

E aí, teleguiados e hipnotizados pelas manobras ideológicas da Federação "Espírita" Brasileira e das Organizações Globo - corporação de mídia antes hostil a Chico Xavier mas hoje sua propagandista mais entusiasmada - , os chiquistas querem transformar a ideia de "amor e bondade" numa qualidade privativa de Chico Xavier, como se ele fosse o epicentro de tais qualidades e que ninguém pudesse ser "bondoso" senão por intermédio dele.

Note-se a obsessão dos chiquistas pelo seu ídolo, algo comparável ao do Velocino de Ouro, aquela pequena estátua de um carneirinho que era alvo de idolatria extremada. Eles ignoram que Chico Xavier era defensor da Teologia do Sofrimento, cometeu fraudes literárias, sua mediunidade tida como "versátil" era na verdade limitada e tudo de sua "maravilhosa filosofia" se resume em pedir para os sofredores aceitarem suas desgraças em silêncio e fingir que estão felizes.

Madre Teresa de Calcutá disse coisa parecida e foi considerada "anjo do inferno". É certo que, no começo, o jornalista Christopher Hitchens sofreu ataques pesados por denunciar irregularidades da "filantropa". Mas ele lidava com fatos, não com mitos e muito menos ataques pessoais, que foram comprovados com estudos universitários sérios, feitos no Canadá.

Mas, aqui no Brasil, Chico Xavier é tido como "ativista" e "progressista" quando prega para "sofrermos em silêncio" e muitos acham lindo coisas como "o silêncio é a voz da sabedoria" sem saber que isso é uma espécie de "AI-5 do bem". 

E se Madre Teresa apareceu ao lado do Ronald Reagan que patrocinava banhos de sangue na América Central e no Oriente Médio, Chico Xavier aparecia numa rede de televisão defendendo a ditadura militar, que então vivia fase de intensa repressão, em que pessoas eram condenadas até com boatos de "atividades subversivas", torturadas e assassinadas sem qualquer investigação.

O apego a Chico Xavier é tão grave e tão sério que cria até situações surreais. Há uma corrente dos críticos da deturpação da Doutrina Espírita que querem recuperar as bases originais de Allan Kardec, mas não abrem mão de manter Chico Xavier e, por associação, Divaldo Franco, na sua alta reputação, mesmo que eles sirvam apenas de enfeite para os kardecianos pouco vigilantes.

Daí o grande problema de exaltar um deturpador da Doutrina Espírita e elevá-lo a uma postura quase divina. Há quem prefira que o Brasil se destrua de vez, desde que mantenha o mausoléu de Chico Xavier em Uberaba e os seus livros. 

A obsessão em torno de Chico Xavier é uma demonstração de anti-espiritualismo, de anti-humanismo, de pessoas que não querem ser boas por conta própria e que precisam de uma forma materializada de "amor e bondade", ainda que seja de um caipira de trajetória bastante confusa e duvidosa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não há resgate coletivo. E isso o cotidiano nos explica com facilidade

(Autor: Professor Caviar)
Na madrugada de ontem, numa serra na Colômbia, um trágico acidente ceifou quase todos os ocupantes de um avião que levava a equipe catarinense Associação Chapecoense de Futebol, time conhecido como Chapecoense ou, simplesmente, Chape.
No acidente, inicialmente 75 pessoas faleceram. A maioria dos jogadores do Chapecoense, parte da tripulação boliviana que estava no avião, jornalistas e dirigentes esportivos. Apenas seis pessoas foram resgatadas com vida. O famoso zagueiro Neto foi resgatado com vida, e está sob cuidados médicos.
A tragédia comoveu o mundo inteiro e revelou um sonho interrompido de um time em ascensão. Consta-se que o Chapecoense era melhor do que muito time festejado que vence fácil qualquer torneio, e seu time era considerado de grande entrosamento. Com a perda de muitos desses jogadores, o time terá que recomeçar a temporada de 2017 do zero, provavelmente aproveitando jogadores juvenis.
Sob a ótica "espírita", fala-se que o aciden…

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

(Autor: Artur Felipe Azevedo)
Nosso Sistema Solar é composto de 8 planetas. Um leitor anônimo escreveu um comentário, dizendo o seguinte:

"Respeito a opnião (sic) de vocês, mas estão um pouco desatualizados. Se não sabem, foi descoberto um planeta próximo a Plutão, denominado Planeta X, mas que anteriormente foi citado pelo medium Chico Xavier como o Planeta Chupão. Se voces ligarem a teoria espirita com a lógica, viriam que jamais ela errou, mas se exitam em falar sem ao menos saber em que se resume tal coisa. http://geniusvirtual.blogspot.com/2009/07/seria-o-apocalispe-o-planeta-chupao.html  Esse link acima é para a reportagem completa, e abaixo dela está a fonte. Essa repostagem nao é espirita, é científica.
Parem um pouco e leiam para depois falar. É por isso que sempre digo: NÃO PODEMOS FALAR MAL DE ALGUMA COISA QUE NAO CONHECEMOS COMPLETAMENTE, APENAS SE APOIANDO EM SUPOSTOS COMENTARIOS OU SUPOSIÇÕES."


Bem, vemos que o colega ramatisista parece convencido da existência do …

Não quiseram cortar o mal pela raiz? Agora o estrago foi feito. Aguentem!

(Autor: Kardec McGuiver)
Muita gente reclama atualmente das críticas feitas a Chico Xavier. Não são críticas inventadas, são observações dos inúmeros erros cometidos pelo beato católico transformado em "liderança espírita" graças a um festival de manipulações feitas pelas lideranças da FEB, interessadas em fabricar um "santo vivo" para atrair gente e consequentemente, dinheiro. Dinheiro que ia muito pouco para a caridade e mais para as lideranças.
Se esquecem essas pessoas, cegas pela idolatria fanática a um verdadeiro charlatão que foi Chico Xavier, que se tudo fosse evitado antes, nada disso teria acontecido. Era preciso cortar a erva daninha no início, mas preferiram alimentá-la e deixar crescer. Hoje Chico Xavier é uma planta carnívora em dimensões colossais e o estrago que causou no Espiritismo se tornou algo praticamente irreversível.
Claro que houve tentativas para denunciar o charlatão no início. Mas sem a internet ou meios que propagassem as denúncias, el…