Postagens

Mostrando postagens de 2017

Humberto de Campos Filho: vítima de assédio religioso?

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
A sordidez humana tem de suas sutilezas e, no Brasil, muitas delas são novidade para muitos cidadãos. As paixões religiosas, que atrofiam a razão e transformam a devoção da fé num perigoso sentimento, como se a idolatria religiosa fosse tomada de sensualismo e morbidez, além de um estranho e sombrio fanatismo, fazem com que certas armadilhas fossem difíceis de serem identificadas, investigadas e combatidas.
O caso do filho de Humberto de Campos, o produtor de TV Humberto de Campos Filho, que foi seduzido por Francisco Cândido Xavier numa "emboscada do bem" que foi o convite para uma doutrinária no Grupo Espírita da Prece, em Uberaba, e uma ostensiva caravana pelas áreas pobres do município, em 1957, revela que o rapaz foi vítima de um perigoso assédio religioso.
Quem estuda as técnicas de manipulação da mente sabe que há processos muito sutis que passam despercebidos para muitos usuários. O "bombardeio de amor", em inglês love bombing, é …

Livros originais de Humberto de Campos estão estranhamente fora de catálogo

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
Um aspecto muitíssimo estranho acontece no mercado literário. Os livros que o escritor Humberto de Campos havia escrito em vida, entre publicações de seu tempo e alguns títulos póstumos, estão praticamente fora de catálogo, com acesso relativamente dificultado nas livrarias brasileiras.
A última vez que a obra completa de Humberto foi lançada foi em 2014, por ocasião dos 80 anos de sua morte, e mesmo assim foi um grande volume reunindo todos os seus trabalhos - incluindo o polêmico Diário Secreto, publicação póstuma de textos que ridicularizavam personalidades da época do autor maranhense - , o que resultava num título muitíssimo caro e pouco acessível, devido à sua baixa tiragem. Hoje até essa coleção está fora de catálogo.
Embora o acervo de Humberto seja relativamente acessível através de sebos ou bibliotecas, nem todos os títulos lançados por ele são fáceis de serem encontrados, o que faz com que o leitor menos iniciado, não habituado a garimpar obras ra…

A atitude de Chico Xavier diante do ocaso de Wantuil de Freitas

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
Devemos analisar os bastidores do "movimento espírita" nos tempos em que Antônio Wantuil de Freitas, o centralizador e igrejeiro presidente da FEB, começava a sair de cena, paralelo ao escândalo causado pelo episódio da farsante Otília Diogo.
Era o final da década de 1960, época em que várias crises atingiram o "espiritismo" brasileiro, um preço muito caro pago pela deturpação. Da suspeita de queima de arquivo em relação à morte do sobrinho de Francisco Cândido Xavier, Amauri Xavier, ao rompimento de Waldo Vieira com o seu antigo ídolo e parceiro, o "espiritismo" era alvo de incidentes graves resultantes de suas próprias escolhas.
Sabe-se que, em 1958, Amauri Xavier ameaçou denunciar o tio e revelar os bastidores do "movimento espírita", o que derrubaria um mercado literário alimentado por pretensas psicografias. Chico Xavier era protegido de Wantuil de Freitas, presidente da FEB e descobridor do "médium". Wa…

Madre Teresa e o Assistencialismo

Imagem
(Autor: Equipe Dossiê Espírita)
Há vinte anos, Madre Teresa de Calcutá faleceu, aos 87 anos de idade. Nascida no mesmo ano que Francisco Cândido Xavier, Madre Teresa é um nome do Catolicismo adotado pelos "espíritas", o que diz muito sobre o caráter conservador do "espiritismo" brasileiro, que acolhe esta que é um dos ícones da Teologia do Sofrimento, corrente medieval do Catolicismo.
O próprio mito de Madre Teresa de Calcutá, construído pelo discurso engenhoso e emocionalmente apelativo do jornalista católico inglês Malcolm Muggeridge, inspirou no Brasil a reinvenção do mito de Chico Xavier, sem os apelos pitorescos do antigo tutor do "médium", o presidente da FEB Antônio Wantuil de Freitas, mas com a narrativa de novela tomada emprestada da Rede Globo, que fez o papel de "Muggeridge" da ocasião.
A ideia é sempre criar um paradigma de "caridade" e "bondade" que cause mais deslumbramento do que resultados concretos. No que s…

Vídeo: Em tempos de fake news, "espiritismo" tenta reabilitar falso Humberto de Campos

Imagem
Mesmo depois da Internet confirmar irregularidades na obra espiritual atribuída a Humberto de Campos, revista insiste em reabilitar essa obra comprovadamente fake, que apresenta irregularidades de estilo muito grosseiras.

Vídeo: Espíritos que guiaram Chico Xavier e Divaldo Franco são inferiores

Imagem
Com base em O Livro dos Médiuns, de Allan Kardec, análise sobre os espíritos mentores dos supostos médiuns traz revelação que não agrada os seguidores do "espiritismo" brasileiro.

A crise e o igrejismo "espírita"

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
Nos momentos de crise, os "espíritas", exímios malabaristas, confeiteiros e embelezadores de palavras, buscam sempre a palavra final, promovendo a confraternização do bom senso com o contrassenso, tratando a coerência e a incoerência como irmãos.
O livro Companheiro, de mensagens do jesuíta Emmanuel trazidas pelo suposto médium Francisco Cândido Xavier (publicado pela neoroustanguista editora IDE), revela uma mensagem igrejeira sobre a crise, na qual a simples solução é "dar as mãos" e "mostrar a luz aos outros". Pretensamente equilibrado e falsamente lógico, o texto igrejista de Emmanuel, "Tempo de Crise", é um recado simplório feito por palavras embelezadas sobre os momentos de crise.
É muito simplório falar que "somos irmãos", sem que possa resolver dignamente os conflitos. Para o "espiritismo", tanto faz resolver os conflitos na forma de que os que têm demais precisam manter seus benefícios e os…

Vídeo: Por que deturpadores não podem recuperar o Espiritismo original

Imagem
Contradições diversas foram praticadas pelo "espiritismo" brasileiro que impossibilitam a recuperação das bases originais pelos próprios deturpadores, que sempre apelam para a velha promessa de "aprender melhor Kardec". Entenda.

Perdido no moralismo irracional, "Espiritismo" brasileiro derrota a si mesmo

Imagem
(Autor: Kardec McGuiver)
No início dos anos 90, o "Espiritismo" brasileiro, na verdade uma deturpação igrejeira do Espiritismo original de que quase nada se aproveitou, esteve em seu auge graças ao modismo chamado "Nova Era", em que se acreditava que com a virada de século, grandes mudanças para melhor viriam de forma certa e inadiável, o que acabou não acontecendo. 
Hoje, vivemos num sério retrocesso que praticamente jogou na incineradora quase todas as lições que aprendemos no século XX. Todo o planeta está confuso e em clima de apreensão. Ondas de ódio varrem o bom senso das redes sociais. Pessoas desesperadas com a crise econômica de 2008 querem eliminar pessoas que ameacem seus direitos ou privilégios. E os "espíritas" assistindo de braços cruzados em um seguro camarote o mundo e principalmente o Brasil se auto-destruírem.
Sabe-se que o "Espiritismo" brasileiro se revelou como uma farsa. O legado racional de Allan Kardec foi jogado na lixe…

Vídeo: Chico Xavier e Divaldo Franco traíram Allan Kardec porque quiseram

Imagem
Em vídeo esclarecedor, explica-se por que os dois "médiuns" traíram os ensinamentos espíritas originais, tendo feito isso de propósito e não por acidente ou boa-fé. Texto para leitura e divulgação.

Marcha fascista nos EUA põe em xeque tese da Data-Limite

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
A marcha dos supremacistas brancos, na cidade de Charlottesville, Virgínia, EUA, é um fato bastante sombrio que contraria as previsões otimistas sobre o século XXI e que haviam sido esperadas em 2012, até pelos "espíritas". A ideia de que a sociedade iria se tornar mais moderna, altruísta, sensata e prudente foi posta em xeque diante do ascendente movimento neo-nazista de uma cidade norte-americana, que chamou a atenção do mundo.
A manifestação foi motivada porque o prefeito de Charlottesville, Mike Signer, planeja retirar a estátua do comandante confederado Robert E. Lee, derrotado na Guerra da Secessão e defensor do regime escravo, combatido pelas autoridades estadunidenses. Lee era considerado um herói pelos fascistas daquela cidade, tratado como se fosse um "mártir", embora ele não tivesse sido assassinado na referida guerra que ocorreu entre 1861 e 1865 entre os Estados do Norte, abolicionistas, e os do Sul, escravagistas.
Outra mani…

Vídeo: Chico Xavier, o pai dos fakes

Imagem
O suposto médium Francisco Cândido Xavier é o pioneiro da literatura fake, hoje muito praticada na Internet. Foi Chico Xavier que lançou livros que, supostamente atribuídos a autores mortos, nem de longe refletem seus respectivos estilos originais.

Vídeo: Imagem de "caridade" dos "médiuns" foi farsa criada pela Rede Globo

Imagem
(Autor: Professor Caviar, com vídeo criado pela Equipe Dossiê Espírita)
Apesar de agradável e defendida por muitos, a imagem de "bondade" e "caridade" dos "médiuns espíritas" foi uma farsa montada pela Rede Globo de Televisão, com base num documentário inglês, visando neutralizar a ascensão dos "pastores eletrônicos" das seitas evangélicas. Vídeo que merece ampla divulgação.

O Brasil retrocede e "espíritas" falam que "Pátria do Evangelho" foi inaugurada

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
O periódico "Correio Espírita", espécie de Diário Oficial do "movimento espírita" brasileiro, veio com uma pequena nota de primeira página, apresentando como uma de suas matérias o anúncio de que já surgiu a "Pátria do Evangelho", que havia sido a bandeira ufanista do beato de Pedro Leopoldo e Uberaba, Francisco Cândido Xavier.
A patriotada de Chico Xavier, segundo o periódico editado no município de Niterói, Estado do Rio de Janeiro, se manifesta pela constatação dos males que há décadas e até séculos afligem os brasileiros e que, segundo os "espíritas", voltaram à tona a título de "informação", "despertando" os brasileiros a pensar num meio de "salvação" e "confraternização" em busca de um "país melhor".
Parece loucura, mas o que os "espíritas" tentam dizer é o seguinte: o Brasil está uma bosta e isso é bom porque os brasileiros, sabendo disso, lutarão por &…

"Espiritismo" brasileiro se alia aos pentecostais em assuntos políticos

Imagem
(Autor: Kardec McGuiver)
A FEB sempre esteve do lado do poder. Principalmente nos governos de direita. Fingindo altruísmo, os "espíritas" nunca foram de fato progressistas e por ser uma seita majoritariamente de elite, transferiu para o seu repertório ideológico o egoísmo das classes abastadas se limitando a definir como altruísmo a caridade paliativa das sopinhas aguadas e dos agasalhos rasgados. Enfim, nada que ameace os privilégios dos mais abastados, estes felizes em abraçar os seus supérfluos diante da miséria alheia.
Durante a ditadura, o apoio dos "espíritas" ás atrocidades cometidas contra os cidadãos era claro e explícito. Xavier, o maior divulgador da FEB, era um interiorano de educação retrógrada - apesar da falsa imagem de modernidade que tentaram embutir no beato anos depois. Não era de estranhar que alguém tão retrógrado apoiasse a ditadura em sua pior fase, alegando que os torturadores estavam "construindo um reino de amor". reino de amor …

Desesperados, "Espíritas" tentam salvar reputação de sua maior liderança

Imagem
(Autor: Kardec McGuiver)
Um artigo postado em um portal pseudo-espírita lançado recentemente mostra o desespero dos "espíritas" de tentar salvar a sua maior liderança, o farsante Chico Xavier, na tentativa de salvar a seita e todos os benefícios que provem de sua existência.
Estamos carecas de saber que o "Espiritismo" brasileiro nada tem de kardeciano. É totalmente roustainguista e seu compromisso não e com a racionalidade e sim com a fé cega de um Cristianismo fabuloso, místico. Xavier, além de ser a sua maior liderança, é também o seu garoto propaganda e "galinha dos ovos de ouro" da seita, pois seus livros geram renda para sustentar as outras lideranças.
Justamente por Xavier ser uma excelente fonte de renda, "espíritas" se empenham em tentar salvá-lo para que seus livros, cheios de surrealismo, possam continuar sendo vendidos. O tal artigo resolveu tachar Chico Xavier de um rótulo extremamente pomposo: o de "Patrimônio Mundial da Huma…

O silêncio do "Espiritismo" brasileiro diante das atrocidades que poderão destruir o país

Imagem
(Autor: Kardec McGuiver)
Falam tanto que o "espiritismo" brasileiro e uma doutrina altamente intelectualizada e altruísta. A prática tem demonstrado o oposto. Lideranças doutrinárias já demonstram, além de total incapacidade de resolver ou sugerir soluções para os problemas do país, recusa em recorrer as autoridades para que as coisas melhorem. Falsamente sábios, também são incapazes de entender a realidade cotidiana, se limitando a pedir para orar, como fazem as religiões menos racionais.
O comportamento das supostamente intelectualizadas lideranças "espíritas" diante de todas as medidas aprovadas pelo governo golpista para arruinar o Brasil e a dignidade dos trabalhadores, é de uma bem safada hipocrisia. Bom lembrar que para quem acredita nas lideranças "espíritas", eles são de "máxima evolução", o que subentende uma capacidade intelectual ilimitada. Capacidade nunca comprovada na prática, o que mostra não passar de uma forma diferente de can…

"Bondade" de Chico Xavier foi mito criado pela Rede Globo para competir com Igreja Universal

Imagem
(Autor: Equipe Dossiê Espírita)
A Igreja Universal do Reino de Deus completa 40 anos e isso tem muito a ver com os rumos que o "espiritismo" brasileiro haviam tomado com uma pequena ajudinha da grande mídia. Sem mais a ação marqueteira de Antônio Wantuil de Freitas, o ex-presidente da Federação "Espírita" Brasileira que faleceu em 1974, outra estratégia tinha que ser feita.
Não se podia mais assumir o roustanguismo, apesar da evidente herança das ideias do advogado de Bordéus, pioneiro deturpador do Espiritismo, deixou na doutrina igrejeira brasileira. Tinha que haver uma postura contraditória e confusa, porém bastante agradável, que pudesse trazer às federações regionais uma autonomia e uma reputação iguais ou superiores às da direção nacional.
Morto Wantuil, seus herdeiros tiveram desavenças com os herdeiros do falecido, e houve também escândalos nos quais os espíritas autênticos saíram denunciando aqui e ali. Daí que se construiu a "fase dúbia" do &qu…

Técnica duvidosa de análise de textos testou obras de Chico Xavier

Imagem
(Autor: Equipe Dossiê Espírita)
O que é a nossa imprensa. Um texto de Yahoo! Finanças falando sobre o teste de um programa eletrônico para analisar o estilo de obras de Francisco Cândido Xavier começou mal com o título mostrando um erro em português, "Máquinas põe Chico Xavier à prova e resultado é surpreendente".
Sem qualquer questionamento, a reportagem, num contexto em que nosso jornalismo é tão decadente que apresenta textos gramaticalmente errados, desinformativos e até mentirosos, com a grande imprensa praticando até fake news, como se nota o noticiário político. O assunto, o uso da "inteligência artificial" para analisar os estilos de três supostos autores espirituais publicados pelo "médium", revela uma técnica bastante duvidosa e sem eficácia verdadeira.
Ela vem de uma máquina chamada Deep Learning, utilizada pela empresa Stilingue, para analisar obras dos três supostos autores, Emmanuel, André Luiz e Humberto de Campos. O processo se dá a parti…

Nos 15 anos sem Chico Xavier, quem leva presente é o Aécio Neves

Imagem
(Autor: Professor Caviar)
No dia em que os "espíritas" lembraram, com fanática saudade, os 15 anos de falecimento de Francisco Cândido Xavier, o Supremo Tribunal Federal, na pessoa do ministro Marco Aurélio Mello, vetou o pedido de prisão do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) e ainda o presenteou com a autorização para retomar o cargo no Senado.
Foi no último dia 30 de junho, um mês que terminou favorável para o tucano envolvido em vários escândalos de corrupção. A irmã dele e parceira em esquemas de propinas, Andrea Neves, e o primo Frederico Pacheco, também envolvido em alguns deles, deixaram a prisão.
Aécio Neves é blindado pelo poder midiático, embora hoje certos veículos de comunicação que tanto o apoiaram já começam a se opor a ele. Em todo caso, Aécio Neves é um Chico Xavier do seu tempo, que pode aprontar das suas que ninguém pegaria. Se vê que Chico Xavier realizou obras fake com o nome de Humberto de Campos e saiu impune dessa porque os juízes, um tanto bitola…