Pular para o conteúdo principal

Postagens

"Cartas mediúnicas" de Chico Xavier eram contribuição à ditadura militar

(Autor: Professor Caviar)
Ainda se está a investigar quem realmente foi a figura de Francisco Cândido Xavier, oficialmente adocicada e trabalhada como um "filantropo" de maneira dramatúrgica. Setores das esquerdas ainda se sentem seduzidos por Chico Xavier, e ignoram que ele havia sido uma das figuras mais conservadoras e reacionárias que passou por toda a História do Brasil.
Seus apelos para a aceitação do sofrimento e da desgraça humana, calcados na Teologia do Sofrimento, corrente medieval da Igreja Católica, eram notórios. A ênfase ao silêncio era como um "AI-5 com açúcar", com o duplo objetivo de evitar questionar sua trajetória, escondendo da memória pública um passado de muito arrivismo (livros fake atribuídos a literatos famosos, fraudes de materialização etc) e de também garantir a supremacia dos valores conservadores e das desigualdades sociais que o "espiritismo" brasileiro finge combater, mas que no fundo apenas diminui seus efeitos mais danos…
Postagens recentes

Explicando a farsa das "falanges espirituais" em eventos ditos "mediúnicos"

(Autor: Professor Caviar)
Devemos desconfiar de eventos psicográficos ou psicopictográficos (pintura mediúnica) que afirmem agrupar os mais diferentes e diversos espíritos de artistas mortos, vindos de diversos lugares e oriundos de diversas épocas.
Isso se dá não porque, em si, reunir espíritos diferentes seja impossível, mas da maneira, considerada "fácil demais", de chamar um morto como se escolhesse um produto de uma prateleira.
Há uma série de mal-entendidos que confundem as coisas. Afinal, quando o chamado "Espírito de Verdade" chamou diversas personalidades para darem seus depoimentos colhidos por Allan Kardec, eles não compunham uma "falange", uma espécie de "gangue do bem" que se une para qualquer ocasião em que se necessite divulgar uma "mensagem positiva" para o povo da Terra.
O que ocorreu, na verdade, foram envios de mensagens isoladas. Allan Kardec recolheu várias mensagens individuais atribuídas a personalidades mortas.…

Que tipo de caridade querem os "espíritas"?

(Autor: Kardec McGuiver)
Allan Kardec costumava dizer que "fora da caridade não há salvação". Mas a ineficácia da suposta caridade praticada pelos "espíritas" e o fato das lideranças da religião serem contra políticos que estimulem a inclusão social e a melhoria na distribuição de renda mostram que os supostos discípulos de Kardec não estão muito dispostos a seguir a máxima de seu tão bajulado mestre.
Afinal, a caridade praticada pelos "espíritas" não conseguiu acabar com as injustiças e a miséria. Na verdade serve apenas para criar um vínculo entre os ajudadores "espíritas" e seus auxiliados, forçando um aumento no "rebanho 'espírita' ", conseguindo com isso aumentar a quantidade de seguidores , facilitando a obtenção de favorecimento para as lideranças "espíritas".
Mas o compromisso da religião com a transformação da sociedade parece ter sido adiado. Isso se não for de fato cancelado. Declarações de lideranças &quo…

Bolsomínions estão gostando da comparação entre Chico Xavier e Jair Bolsonaro

(Autor: Professor Caviar)
Do contrário que muitos podem imaginar, o "médium" Francisco Cândido Xavier inspira energias maléficas. Muitos idosos e adultos que cultuam Chico Xavier, estranhamente, veem seus filhos morrerem em tragédias surgidas do nada. Além disso, evocar Chico Xavier traz um grande azar, como setores das esquerdas que, ignorando o perfil ultraconservador que o "médium" mineiro foi em toda sua vida, relembram de suas frases supostamente em prol da paz, assim que a mídia é bombardeada por notícias sobre convulsões sociais diversas.
Foi Ribamar Fonseca citar Chico Xavier, em março de 2016, e o golpe político se deu em seguida. Recentemente, Ricardo Kotscho falou sobre sua "saudade de Chico Xavier", copiou, na boa-fé, um texto sobre o "silêncio" - sem saber que o texto era uma espécie de "AI-5 do bem", uma falácia "dócil" para evitar que as pessoas questionassem as adversidades da vida - , e agora Jair Bolsonaro …

Pensamento desejoso, o veneno que seduz as pessoas diante dos "médiuns"

(Autor: Professor Caviar)
Um dos grandes males que fazem cegar os corações e mentes dos brasileiros em relação aos "médiuns espíritas" é o pensamento desejoso. Este é o veneno que entorpece muitas almas, e que fazem as pessoas virarem reféns de suas próprias fantasias.
O que é o pensamento desejoso, que em inglês é um termo bastante conhecido, wishful thinking? É a mania de ver as coisas não como realmente são, mas como cada pessoa gostaria que fosse. A teimosia em colocar a fantasia acima da realidade torna-se um vício perigoso, na qual a pessoa reage à contestação alheia com certa irritação, enquanto ignora que sofrerá consequências drásticas ao manter suas ilusões.
O "espiritismo" brasileiro tornou-se uma religião que se revelou portadora de um moralismo retrógado, desde que a chamada "catolicização da Doutrina Espírita" fez o legado de Allan Kardec ser desfigurado. Em vez de andar para a frente, guiado pelo Iluminismo francês, o "espiritismo&quo…

Como poucos percebem que Chico Xavier é blindado pela Rede Globo?

(Autor: Professor Caviar)
Sabemos que Francisco Cândido Xavier é blindado pela Rede Globo. O mito de Chico Xavier já era previamente trabalhado em outros contextos - a habilidade publicitária do presidente da FEB, Antônio Wantuil de Freitas, que trabalhou o "médium" como um popstar, e, depois, a atuação dramatúrgica da TV Tupi - , mas a Rede Globo o consolidou, retrabalhando sua figura sob o roteiro do inglês Malcolm Muggeridge e enfatizando a pretensa filantropia, gancho publicitário que hoje a mesma Globo faz com Luciano Huck.
Isso é evidente e teve dois motivos. Um é neutralizar, ou tentar fazer crescer a ascensão de pastores evangélicos da linha pentecostal, como Edir Macedo e R. R. Soares, que usavam horários arrendados nas concorrentes da Globo para crescerem e atraírem mais fiéis. Neste contexto, Chico Xavier era o meio exato de concorrer com os "pastores eletrônicos" e o mito de "filantropo" foi certeiro para manipular a opinião pública ao promov…

Um texto igrejeiro de Chico Xavier sobre Jesus

(Autor: Professor Caviar)
Temos que tomar muito cuidado com textos que parecem "lindos". Muitos deles são armadilhas que deixam as pessoas imobilizadas. Eles escondem desde apelos para aceitar o prejuízo humano até mensagens aparentemente belas que escondem ideias absurdas. Vale lembrar que a obra de Allan Kardec já mostrou inúmeros alertas sobre mensagens que parecem "lindas" e escondem mecanismos perversos de persuasão ante a ideias absurdas que contrariam os ensinamentos espíritas originais.
Dito isso, reproduzimos aqui um texto de Francisco Cândido Xavier sobre Jesus. Como em muitos textos, pedimos aos leitores muita cautela para não se deixarem seduzidos pelo "balé das palavras", até porque o texto, em si, é um grande manifesto igrejeiro que só confunde as coisas, porque não se trata de uma real interpretação do legado de Jesus de Nazaré feita pela Doutrina Espírita, ainda mais sabendo que Chico Xavier foi um gravíssimo e preocupante deturpador do Es…