Para Chico Xavier, humildade é sinônimo de acomodação

(Autor: Kardec McGuiver)

Para os admiradores, Chico Xavier sempre foi sinônimo de "perfeição humana". Dotado de qualidades que lhes eram embutidas feito próteses, Xavier era um "ciborgue do altruísmo", pois boa parte de sua perfeição foi composta de qualidades que ele não tinha. O mito Chico Xavier era muito melhor que o homem real Francisco Cândido, que nada tinha de filantropo e muito menos de espírita.

Xavier ficou famoso por suas frases. Muitas pessoas carentes de orientação recorriam a essas frases como guia de sobrevivência sem perceber o caráter às vezes inócuo, às vezes cruel que no fundo nada serviam como fonte de orientação para a superação de problemas cotidianos.

Várias dessas frases falavam em humildade. Mas se prestarmos atenção em cada uma delas (que não citaremos aqui, por escassez de tempo - mas em comunidades dedicadas ao médium, elas são fáceis de achar) veremos que quando Xavier escrevia "sejamos humildes" estava querendo dizer "sejamos passivos, conformemos, nos acomodemos).

Entusiasta da maligna Teologia do Sofrimento, que defende que o sofrimento, mesmo o mais cruel e devastador, é útil para a evolução humana, Xavier não queria no fundo que estivéssemos bem. Com isso acabou atraindo espíritos sádicos como Emmanuel que usavam a bondade apenas para atrair confiança para na hora certa "dar o bote". Por isso muitos episódios de azar envolvendo pessoas que entram em contato com o médium de alguma forma, mesmo apenas citando o nome elogiosamente.

O próprio Xavier não era humilde. Orientado a fingir humildade, o médium, que tinha sintomas de algum tipo de demência, fazendo o que seus tutores diziam, era no fundo arrogante e tinha prazer em assumir a mitologia que inventavam sobre ele, correspondendo aos estereótipos de perfeição humana que somente os mais tolos são capazes de aceitar.

E as frases sobre humildade na verdade pedia para que cruzássemos os braços e aceitássemos tudo que vem de cima, seja de "Deus", dos "espíritos" e principalmente das autoridades terrestres, estas cada vez mais corruptas, autoritárias e interesseiras.

Esqueçamos frases de Chico Xavier. Ele era uma farsa. Nada tinha de superioridade. Seus livros são de uma asneira sequer vista nas mais ridículas comédias. Sua religiosidade cheia de ilusões é absolutamente dispensável para as nossas vidas. Aprendamos a cuidar de nossas vidas sem a necessidade dessas frases tolas. A humildade não necessita de passividade para que ela se manifeste.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não há resgate coletivo. E isso o cotidiano nos explica com facilidade

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

Madre Teresa de Calcutá e a caridade como mercadoria