Ortodoxo é a tua vó!!!

(Autor: Profeta Gandalf)

Os pseudo-espíritas, seguidores e gestores dessa forma deturpada de Espiritismo praticada no Brasil, são pessoas irredutíveis, daqueles que fecham os ouvidos quando ouvem conselhos que possam os tirar da zona de conforto. 

Por isso mesmo, esses novidadeiros, ao saber que suas novidades alucinadas tem sido bem criticadas, por destoar bastante da doutrina original, codificada por Kardec, ao invés de cederem, criaram um rótulo que servisse de divisão (ué, o Espiritismo não era para unir?), "especificando" aqueles que não aceitam a deturpação (que os defensores classificam como "atualização"): Espíritas "Ortodoxos".

Ortodoxo, eu? Recusar a deturpação e lutar por conceitos corretos, por informações verídicas e pela comprovação através da razão e da lógica é ser "ortodoxo"? Ora, tenha paciência!

Entendem esses fiéis do São Embuste que as suas contradições e absurdos sejam aceitos como atualização doutrinária e que as discrepâncias são justificadas por que "ainda não chegou a hora de serem explicadas". O "mistério de fé" católico enxertado nesta forma maluca da doutrina.

Eu, como estudioso das obras de Kardec, me sinto ofendido com este rótulo. Ortodoxo passa a ideia de antiquado e sinceramente "antiquado" é o nome que menos combina com Kardec, um homem que sempre enxergou o futuro muito além de seus olhos e de seu tempo.Seguir Kardec é ser futurista, é procurar explicações que vão ampliando conceitos e não colocando absurdos sem sentido e enxertos que mais combinam em doutrinas de fé cega, estas si presas ao passado.

Aliás, presos ao passado são esses deturpadores, que tem como principal conselheiro um espírito como Emmanuel, um padre de mentalidade medieval que quer aprisionar a humanidade na mais retrógrada fé medieval, sem chance de verdadeira atualização. Como aceitar um padre medieval como "vanguarda" e um pesquisador futurista como "atraso"? Uma confusão sem precedentes.

Eu me recuso a ser chamado de "ortodoxo". Esses teimosos deturpadores que arrumem outro rótulo para o conjunto de absurdos em que eles acreditam. Que deixem Kardec em paz e fiquem com seu Emmanuel. Se eles assumissem que acreditam em outra coisa totalmente diferente do Espiritismo, não precisariam xingar com rótulos equivocados aqueles que entendem de fato aquilo que os deturpadores insistem em vandalizar. Ortodoxo é a tua vó!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não há resgate coletivo. E isso o cotidiano nos explica com facilidade

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

Madre Teresa de Calcutá e a caridade como mercadoria