Não existe aqui difamação contra Chico Xavier. Existe é esclarecimento

(Autor: Kardec McGuiver)

Os chiquistas ficam sempre em sentinela quando o nome de seu maior ídolo, Chico Xavier, é mencionado. Quando algum sensato faz uma crítica justa ao médium, os fãs do mesmo começam a se agitar. Muitos apelam para a agressividade para defender o médium que julgam ser perfeito. Vários acusam da calúnia, difamação e alertam para uma suposta campanha contra o mesmo. Mas não e nada disso.

Erasto disse a Kardec que devemos alertar os outros sobre os falsos profetas e que não devemos te piedade e nem mesmo medir palavras para denunciá-los. É caridade impedir o avanço da influência de farsantes e é recomendável que caia uns poucos homens irresponsaveis para preservar a segurança e o bem estar de uma multidão de inocentes.

Portanto, o que fazemos aqui é denunciar este farsante que angariou falso prestígio e que infelizmente ainda e bem influente em nossa sociedade graças a um falso mito construído ao redor dele.

Chico Xavier nunca conheceu o Espiritismo, inseriu dogmas estranhos na doutrina, participou de fraudes, limitou a aridade paliativa e ainda praticou mediunidade irresponsável, principalmente com filhos de mães desesperadas, gerando muito mais danos que benefícios. E há quem tenha a ingenuidade ignorante de considerar este médium que foi nocivo à evolução espiritual de seus seguidores como "o ser mais evoluído que esteve sobre a Terra". Mentira em cima de mentira.

Portanto o que fazemos aqui é uma denúncia justa com base em fatos. Mentiras positivas não podem nunca se sobrepor a verdades negativas. Enganar os outros nunca é bom e o que este médium fez foi usar a sua influência ara enriquecer suas lideranças e emperrar a evolução espiritual dos habitantes do Brasil.

Esqueçam Chico Xavier.Ele nunca foi útil para a doutrina. Pelo contrário: a doutrina teriam avançado se não fosse a intromissão deste intruso que só queria saber de seu amado Catolicismo e de seus mitos contraditórios. Quem estuda, aprende, quem na estuda, tem fé.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não há resgate coletivo. E isso o cotidiano nos explica com facilidade

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

Madre Teresa de Calcutá e a caridade como mercadoria