Querem tirar a responsabilidade de Chico Xavier pelos erros que ele cometeu

(Autor: Profeta Mentalista)

Tanto a Doutrina Espírita quanto a nossa Constituição Federal são bem claras quanto às responsabilidades: cada um paga pelo seu próprio erro. A responsabilidade de cada um é intransferível. Somente a própria pessoa que errou poderá responder pelos erros que cometeu.

Mas um considerável grupo de fãs do médium Chico Xavier, símbolo maior do Espiritolicismo, forma deturpada do Espiritismo que é tão praticada no Brasil, querem tirar de Xavier a culpa dos erros que ele cometeu e entregar a responsabilidade dos erros dele a terceiros. E o pior que não são os espiritólicos que dizem isso  - para os espiritólicos, Xavier nunca errou, pois é um "espírito puro" (sic)  - e sim os espíritas que, pelo menos em tese, pretendem ser mais racionais.

Muitos, quando ouvem que Chico Xavier terá que voltar para pagar pelos erros, se inquietam, ficam revoltados. Acreditam que Xavier é o símbolo da bondade absoluta (embora na prática nunca fizesse a verdadeira bondade, aquela que beneficia de fato, se restringindo apenas a consolar com base nas convicções católicas que possuía) e por isso deveria ser poupado de qualquer responsabilidade. Que é isso? Poupado? Tem que abrir uma exceção para um simples sujeito, tão falível quanto qualquer um de nós, só porque ele é considerado a "bondade máxima" em pessoa? Mais patético, impossível!

Xavier tem que pagar sim. Enganou todo mundo, culposamente ou dolosamente - só uma análise mais profunda de suas atitudes pode confirmar isso - e por isso vai voltar para aprender a não enganar e também a não SE enganar. Vai ter que desenvolver o intelecto e se livrar da submissão. Esses defeitos que terão que ser corrigidos são uma prova de que Xavier era puro coisa nenhuma. 

E quem garante que ele, ao se livrar da ingenuidade não passará a cometer maldades, mesmo pequenas? Se revoltem, mas a lógica mostra que isso não é possível, pois não conhecemos o exato nível evolutivo de Xavier. Superior ela não era mesmo! E muito menos puro! Se ele fosse puro seria mais racional e não seria submisso, combatendo com rigor aqueles que o dominaram. 

Somente Chico Xavier poderá responder pelos seus atos. Ele prejudicou muito a compreensão da Doutrina Espírita, travando a evolução espiritual de seus seguidores. Foi um forasteiro extra-doutrinário que deu uma de penetra no Espiritismo para completar o estrago já iniciado por Roustaing e consagrado pelo pacto áureo dos dissidentes católicos que fundaram a FEB. Ninguém neste universo irá responder pelos erros cometidos por Xavier. Queiram ou não.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não há resgate coletivo. E isso o cotidiano nos explica com facilidade

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

Madre Teresa de Calcutá e a caridade como mercadoria