Pular para o conteúdo principal

Devoção a um estereótipo

(Autor: Kardec McGuiver)

Brasileiros adoram estereótipos. Acostumados a usar novelas, filmes e obras de ficção para definir o caráter das pessoas, os brasileiros não se esforçam em verificar a índole de outros, referindo se ater a estigmas e características-padrão para definir quem é ou não digno de confiança.

Se alguém segue um estereótipo de bondade, mesmo falso, é automaticamente admirado pela maioria dos brasileiros. Mesmo que a bondade prática seja improvável ou até inexistente, o estereótipo cumprirá a função de definir se fulano é bondoso, mesmo que não tenha sido de fato.

Líderes religiosos são estigmatizados como bondosos. Inertes e estimuladores de conformismo, eles criaram padrões de bondade que mais servem como consolo para suportar problemas do que soluções de melhoria de vida. Para eles, pra quê melhorar de vida? Acredite na divindade que ele resolverá as coisas se quiser. Se a tal divindade não quiser, acatemos passivamente e fiquemos de joelhos louvando o vento. E suportemos a dor, por pior que ela seja, sem murmurar.

E Chico Xavier é um deles. Tido erroneamente como "maior autoridade do Espiritismo no Brasil", ele não passou de um católico que conversava com os mortos e que nunca entendeu de fato o Espiritismo, servindo de tábua Ouija humana a satisfazer o interesse particular de seus admiradores. Mas corresponde ao estereótipo perfeito de bondade, graças a uma bem-sucedida campanha publicitária feita sob encomenda da FEB, a federação que finge representar o Espiritismo, mas foi fundada por dissidentes católicos que acreditavam em reencarnação.

Mas na verdade ninguém está ligando se a suposta ajuda atribuída a Xavier foi real e eficiente. Querem mesmo é o estereótipo. Se o estereótipo é de bondoso, então ele é bondoso. Isso é o que interessa. O resultado dessa suposta caridade não importa. Acreditar na figura de bondade, mesmo falsa é oque deve ser feito.

O sucesso da campanha publicitária criada pera soterrar as provas de charlatanismo do médium impulsionaram este fanatismo que agregou uma imagem irreal de bondade máxima ao caixeiro viajante que queria agradar de maneira submissa a todos. A confusão entre gentileza e bondade reforça esse estereótipo. E com isso tudo, Xavier se consagra como o "homem mais bondoso da Terra" sem ter movido uma palha para melhorar a sociedade.

Uma prova de que estereótipos tem o poder de iludir as pessoas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Silêncio da imprensa em torno do caso Divaldo Franco-João Dória Jr. é grave

(Autor: Professor Caviar)
De repente, até a imprensa de esquerda desaprendeu a fazer jornalismo. O prefeito de São Paulo, João Dória Jr., enquanto divulgava a intragável "farinata", composto alimentar de procedência e valor nutricional duvidosos, exibiu o tempo todo a camiseta do evento Você e a Paz, comandado pelo "médium" Divaldo Franco. O silêncio total da imprensa quanto a este aspecto tem muito o que dizer, e não são coisas boas.
Em primeiro lugar, João Dória Jr. não exibiu a camiseta do Você e a Paz porque foi a única camiseta branca que encontrou ele que costuma usar camisas de colarinho e paletó. Também não foi uma iniciativa comparável à de um moleque usando camiseta de banda. Houve um propósito para João Dória Jr. aparecer vestindo a camiseta do Você e a Paz, na qual havia o crédito do nome de Divaldo Franco.
Nenhum jornalista, por mais investigativo que fosse, chegou sequer a perguntar: "ora, se a 'farinata' era apoiada pela Arquidiocese de…

Por defender a ditadura militar, Chico Xavier devia perder homenagens em logradouros

(Autor: Professor Caviar)

Pode parecer, para muitos, cruel e injusto, mas a verdade é que Francisco Cândido Xavier deveria perder as homenagens dadas a logradouros por todo o país.
Na famosa entrevista ao programa Pinga Fogo, em julho de 1971, Chico Xavier exaltou a ditadura militar, com muita convicção, e disse para orarmos para as Forças Armadas, porque os militares estavam construindo o "reino de amor" do Brasil futuro.
Demonstrando um raivoso direitismo, Chico Xavier simplesmente disparou comentários contra manifestantes sem-terra e operários, com um reacionarismo descomunal e que muitos não conseguem imaginar, apegados à "dócil imagem" atribuída ao anti-médium mineiro. Quem duvida, é só ver o vídeo no YouTube. E é o próprio Chico Xavier quem diz, para tristeza de seus seguidores.
Ele defendeu a ditadura militar num contexto em que ela se mostrou bem mais repressiva. Era a época do DOI-CODI, principal órgão de repressão, que aprisionava, torturava e matava pri…

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

(Autor: Artur Felipe Azevedo)
Nosso Sistema Solar é composto de 8 planetas. Um leitor anônimo escreveu um comentário, dizendo o seguinte:

"Respeito a opnião (sic) de vocês, mas estão um pouco desatualizados. Se não sabem, foi descoberto um planeta próximo a Plutão, denominado Planeta X, mas que anteriormente foi citado pelo medium Chico Xavier como o Planeta Chupão. Se voces ligarem a teoria espirita com a lógica, viriam que jamais ela errou, mas se exitam em falar sem ao menos saber em que se resume tal coisa. http://geniusvirtual.blogspot.com/2009/07/seria-o-apocalispe-o-planeta-chupao.html  Esse link acima é para a reportagem completa, e abaixo dela está a fonte. Essa repostagem nao é espirita, é científica.
Parem um pouco e leiam para depois falar. É por isso que sempre digo: NÃO PODEMOS FALAR MAL DE ALGUMA COISA QUE NAO CONHECEMOS COMPLETAMENTE, APENAS SE APOIANDO EM SUPOSTOS COMENTARIOS OU SUPOSIÇÕES."


Bem, vemos que o colega ramatisista parece convencido da existência do …