Pular para o conteúdo principal

Emmanuel demonstrou ser espírito leviano

(Autor: Professor Caviar)

O deslumbramento dos "espíritas" em torno de seus ídolos, como Francisco Cândido Xavier e Divaldo Franco, faz com que se aceite tudo como se fosse superioridade moral, perfeição espiritual e outras pretensas maravilhas.

Com isso, a emoção toma conta da razão e o "espiritismo" brasileiro se reduz a um desfile de textos sobre "fraternidade" ilustrados por um monte de coraçõezinhos. As pessoas não percebem a perversidade que está por trás de tudo isso.

Pois, no caso de Emmanuel e, por conseguinte, de Joana de Angelis, o que se observa é que eles demonstraram terem sido espíritos autoritários com seus "médiuns", Chico Xavier e Divaldo Franco.

Pela formação moralista e ultraconservadora existente no Brasil, valorizando as relações de dominação e superestimando a hierarquia, as pessoas pensam que essa personalidade autoritária dos dois espíritos é expressão de disciplina e evolução moral, o que é um equívoco terrível.

A tradição autoritária marca o Brasil, que já passou por uma ditadura militar de 21 anos e, depois de uma frágil democracia consolidada por um período relativamente progressista (2003-2016), passará por uma fase de plutocracia intensa com Michel Temer. Daí fazer sentido atribuir superioridade moral a espíritos de conduta militaresca como Emmanuel e Joana de Angelis.

E como os "espíritas", que juram tanta fidelidade a Allan Kardec, apenas fingem ler seus livros e ideias, eles se esquecem de muitas recomendações do pedagogo francês que soam muito desagradáveis aos "bondosos kardecistas".

Não custa citar O Livro dos Médiuns, volume que, pelo seu conteúdo, derrubaria o "espiritismo" brasileiro como explosivos demolindo um edifício velho e inútil, não restando Chicos e Divaldos para contar estória.

O livro, lançado por Kardec em 1861, mostra o item 267 do capírulo 24 - Identidade dos Espíritos, que cita vários meios de conhecer a qualidade dos espíritos. Aqui nos atemos ao décimo item dessa lista, que alerta para os espíritos autoritários, considerados sempre levianos e inferiores, contradizendo a fama de "espíritos puros" dos tirânicos "mentores" de Chico Xavier e Divaldo Franco. Escreveu Kardec:

10º) Os Espíritos bons jamais dão ordens: não querem impor-se, apenas aconselham e se não forem ouvidos se retiram. Os maus são autoritários, dão ordens, querem ser obedecidos e não se afastam facilmente. Todo Espírito que se impõe trai a sua condição.

São exclusivistas e absolutos ns suas opiniões e pretendem possuir o privilégio da verdade. Exigem a crença cega e nunca apelam para a razão, pois sabem que a razão lhes tiraria a máscara.

O caso de Emmanuel é o mais famoso, embora sabemos que o exemplo de Joana de Angelis, em relação a Divaldo Franco, seja bastante similar. O "mentor" de Chico Xavier personifica o que Allan Kardec chama de "espírito mau", da forma mais evidente e explícita possível, em poucas palavras de fácil e imediata compreensão.

Pelo que se vê na trajetória de Chico Xavier, Emmanuel sempre agiu de maneira autoritária, não raro impondo trabalho intenso mesmo quando Chico estava cansado e doente. Chico chegou a ser ameaçado de morte quando perguntou sobre a possibilidade de abandonar o trabalho. Da mesma forma, Joana de Angelis era tirânica com Divaldo, dizendo certa vez: "Eu estou morta e continuo trabalhando", ordenando que seu subordinado continue os trabalhos.

É um tipo de escravidão, com o agravante de ser vinda de espíritos do além, o que revela um caso perigoso de obsessão, o que faz derrubar qualquer tese de superioridade moral e relações espiritualizadas tão associadas a esses "médiuns". E basta ler Allan Kardec para entender os equívocos que se tornaram "verdades absolutas" dentro do "movimento espírita".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Silêncio da imprensa em torno do caso Divaldo Franco-João Dória Jr. é grave

(Autor: Professor Caviar)
De repente, até a imprensa de esquerda desaprendeu a fazer jornalismo. O prefeito de São Paulo, João Dória Jr., enquanto divulgava a intragável "farinata", composto alimentar de procedência e valor nutricional duvidosos, exibiu o tempo todo a camiseta do evento Você e a Paz, comandado pelo "médium" Divaldo Franco. O silêncio total da imprensa quanto a este aspecto tem muito o que dizer, e não são coisas boas.
Em primeiro lugar, João Dória Jr. não exibiu a camiseta do Você e a Paz porque foi a única camiseta branca que encontrou ele que costuma usar camisas de colarinho e paletó. Também não foi uma iniciativa comparável à de um moleque usando camiseta de banda. Houve um propósito para João Dória Jr. aparecer vestindo a camiseta do Você e a Paz, na qual havia o crédito do nome de Divaldo Franco.
Nenhum jornalista, por mais investigativo que fosse, chegou sequer a perguntar: "ora, se a 'farinata' era apoiada pela Arquidiocese de…

Por defender a ditadura militar, Chico Xavier devia perder homenagens em logradouros

(Autor: Professor Caviar)

Pode parecer, para muitos, cruel e injusto, mas a verdade é que Francisco Cândido Xavier deveria perder as homenagens dadas a logradouros por todo o país.
Na famosa entrevista ao programa Pinga Fogo, em julho de 1971, Chico Xavier exaltou a ditadura militar, com muita convicção, e disse para orarmos para as Forças Armadas, porque os militares estavam construindo o "reino de amor" do Brasil futuro.
Demonstrando um raivoso direitismo, Chico Xavier simplesmente disparou comentários contra manifestantes sem-terra e operários, com um reacionarismo descomunal e que muitos não conseguem imaginar, apegados à "dócil imagem" atribuída ao anti-médium mineiro. Quem duvida, é só ver o vídeo no YouTube. E é o próprio Chico Xavier quem diz, para tristeza de seus seguidores.
Ele defendeu a ditadura militar num contexto em que ela se mostrou bem mais repressiva. Era a época do DOI-CODI, principal órgão de repressão, que aprisionava, torturava e matava pri…

Planeta "X", Chupão ou Nibiru: Respondendo a um leitor ramatisista

(Autor: Artur Felipe Azevedo)
Nosso Sistema Solar é composto de 8 planetas. Um leitor anônimo escreveu um comentário, dizendo o seguinte:

"Respeito a opnião (sic) de vocês, mas estão um pouco desatualizados. Se não sabem, foi descoberto um planeta próximo a Plutão, denominado Planeta X, mas que anteriormente foi citado pelo medium Chico Xavier como o Planeta Chupão. Se voces ligarem a teoria espirita com a lógica, viriam que jamais ela errou, mas se exitam em falar sem ao menos saber em que se resume tal coisa. http://geniusvirtual.blogspot.com/2009/07/seria-o-apocalispe-o-planeta-chupao.html  Esse link acima é para a reportagem completa, e abaixo dela está a fonte. Essa repostagem nao é espirita, é científica.
Parem um pouco e leiam para depois falar. É por isso que sempre digo: NÃO PODEMOS FALAR MAL DE ALGUMA COISA QUE NAO CONHECEMOS COMPLETAMENTE, APENAS SE APOIANDO EM SUPOSTOS COMENTARIOS OU SUPOSIÇÕES."


Bem, vemos que o colega ramatisista parece convencido da existência do …